Quando ninguém se importa, é só uma questão de tempo

Quando ninguém se importa, é só uma questão de tempo

Última Parada 174” – o filme brasileiro indicado ao Oscar estréia dia 24 de outubro nos cinemas.

Mas se você quer vê-lo antes, terá essa oportunidade.

Será exibido em dois cinemas do Shopping Frei Caneca na 32º Mostra Internacional de Cinema.

Somente nessa segunda-feira, dia 20 na sessão das 21hs e 21h10.

Porém, o Tudo Por Nada tem uma dica para você não precisar gastar para assistir ao filme.

Espere só mais dois dias e não pague nada para conhecer mais sobre Sandro.

Dia 22, quarta-feira às 19hs no CINUSP.

Rua do Anfiteatro, 181, Colméia, favo 4 – Butantã
(90 lugares- retirar ingresso com 1h de antecedência)
(11)3091-3540

Dadinho é o caralh_ meu nome é Zé Pequeno, porr_

Dadinho é o caralh_ meu nome é Zé Pequeno, porr_

Tem filmes que não nos cansamos de ver, não é verdade? Assistimos novamente, só para relembrar ou até decorar alguns diálogos, ver se àquela cena que antes incomodava ou emocionava causa a mesma sensação ou mesmo analisar se temos outro entendimento sobre o filme.

E pra mim, um que merece sempre ser visto é Cidade de Deus. Então, se você é sujeito homem, terá mais uma oportunidade de ver um dos filmes brasileiros mais premiados e reconhecidos no exterior.

Nessa terça, dia 14 em duas sessões, às 12hs e 15hs no Memorial da América Latina.

Endereço: Auro Soares de Moura Andrade, 664 – Barra Funda
Local: Biblioteca Latino-Americana Victor Civita
(11)3823-4600
GRÁTIS

Esse é o Antídoto Seminário Internacional de Ações Culturais em Zonas de Conflitopara combater a violência, seja em zonas devassadas pela guerra, seja em conflitos urbanos ou rurais.

Realizado desde 2006 pelo Itaú Cultural e AfroReggae, o evento sediará neste ano a Comemoração dos 60 anos da Declaração Universal dos Direito Humanos e contará com a presença de pensadores e atores sociais do Brasil, de Burkina Fasso, da República Democrática do Congo, de El Salvador e da Índia. Além do seminário, o público terá uma programação repleta de 02 a 23 de outubro, desde mostra de documentários, peça de teatro, shows a lançamento de livro.

A programação completa pode ser conferida, clicando aqui.

Local: Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149 – pertinho do metrô Brigadeiro
(11) 2168-1777

E só sobrou um “falcão” (nome dado aos que têm a função de vigiar a favela e avisar os traficantes quando a polícia ou qualquer outro “inimigo” se aproximar) durante os sete anos que o rapper carioca MV Bill e seu empresário, Celso Athayde produziram “Falcão – Meninos do Tráfico“.

Este documentário mostra o depoimento de crianças e adolescentes de várias favelas do Brasil, envolvidos no tráfico de drogas. Teve bastante visibilidade quando foi transmitido no programa Fantástico, da Rede Globo, em março de 2006.

Quem não viu ou quer ver inteiro, mais do que os 58 minutos que foram exibidos no programa global, terá a oportunidade nessa quinta-feira, dia 02 de outubro às 17hs no Itaú Cultural.

E mesmo se você já viu, vale a pena ir e participar de um debate após o filme com um dos produtores, Anderson Quak e a fundadora do Central Única das Favelas (Cufa) Nega Gizza, sobre os bastidores e a produção do documentário.

Local: Avenida Paulista, 149 – pertinho do metrô Brigadeiro
(11)2168-1777
ENTRADA GRATUITA
(247 lugares)

Sufocando o filho do casal

Sufocando o filho do casal

Está em cartaz desde o dia 19 de setembro, o filme “Violência Gratuita“, que mostra dois jovens bem apessoados e articulados que visitam a casa de campo de uma família que está passando as férias e a submetem a um jogo sádico e de intensa tortura psicológica, porém para assisti-lo você tem que pagar. Gostou da sinopse, mas não quer gastar dinheiro? O Tudo Por Nada traz a solução.

Nessa quarta-feira, dia 1 de outubro às 20hs no Centro Cultural São Paulo, será exibida a primeira filmagem desse filme, de 1997, no qual muitos consideram melhor que a atual. É a mesma história, só que interpretada por outros atores, e ao invés de ser no contexto dos EUA, é realizado na Europa e foi através desse longa que o cineasta austríaco Michael Haneke ganhou fama internacional em Cannes.

Local: Rua Vergueiro, 1000, Paraíso, tel: 3383-3402.
Retirada de ingressos: uma hora antes de cada sessão
Sala Lima Barreto (110 lugares) – entrada franca