Cinema


Javier Bardem com seu tubo de ar comprimido em "Onde os Fracos Não Têm Vez"

Javier Bardem com seu tubo de ar comprimido em "Onde os Fracos Não Têm Vez"

Que é nessa semana que vai passar no CINUSP, o filme “Onde os Fracos Não Têm Vez”, dos irmãos Coen.

O filme recebeu  críticas de tudo que é tipo, tanto positivas quanto negativas.

Mas pra mim, o que chama a atenção é o fato de mesmo sendo uma produção com tão poucas concessões comercias, tenha vencido o Oscar de melhor filme de 2007 e também de não utilizar trilha sonora nos momentos de suspense, causando assim até uma maior angústia nos telespectadores.

Além da bela atuação de Javier Bardem, que se você der conta que é o mesmo ator que interpreta o Juan Antonio, do filme Vicki Cristina Barcelona, você vai ficar extremamente admirado.

Javier Bardem em "Vicki Cristina Barcelona"

Javier Bardem em "Vicki Cristina Barcelona"

Confira e faça a sua própria análise do filme:

Segunda, dia 16 às 19hs
Terça, dia 17 às 16hs
 Quinta, dia 19 às 16hs

Rua do Anfiteatro,nº 181
Colméia – Favo 04
Cidade Universitária
GRÁTIS – retirar ingressos com 1 hora de antecedência
100 lugares
(11)3091-3540

cartaz do filme

cartaz do filme

Nessa terça-feira, dia 10 de fevereiro, será exibido às 20hs no Sesc Santana, o filme “Cazuza – O Tempo Não Para”.

Ouvi muitas críticas ruins sobre este filme, em especial falando que mitificaram a imagem de Cazuza e que é muito fácil agir de forma irresponsável e pregar uma vida louca, quando se tem um pai influente como ele tinha, divulgador da gravadora Odeon e depois presidente da Som Livre, para aliviar a barra e pagar as contas.

iniio da carreira solo

iníio da carreira solo

Eu sinceramente acho esses comentários ridículos, pois eu não quero ter como referência de vida a pessoa Agenor de Miranda Araújo Neto( nome verdadeiro de Cazuza) e sim gosto da música e admiro as letras compostas pelo artista Cazuza(expressão utilizada no Nordeste para chamar um moleque).

Cazuza nasceu  no Rio de Janeiro em 4 de abril de 1958 e morreu vítima de Aids em 7 de julho de 1990.

Porém suas músicas são cada vez mais cantadas por novas gerações que não o conheceram.

Então, compareça no Sesc Santana e faça parte deste show pro dia nascer feliz, além de ver a belíssima atuação de Daniel de Oliveira.

olha a semelhança entre os dois

olha a semelhança entre os dois

 

Sesc Santana
Av. Luiz Dumont Villares, nº 579 (perto do metrô Parada Inglesa)
(11)2971-8700
GRÁTIS

medoQual foi o filme que mais te deu medo, pânico, pavor?

E qual que mais te surpreendeu?

Eu gosto bastante de filmes que tem que descobrir quem é o assassino.

Mas ultimamente, poucos têm me agradado.

Todos que mexem com espírito, fantasmas, pessoas mortas não me incomodam.

Muito menos aqueles que tem uns bichões macabros, tipo cine trash, que do nada aparece um babuíno e mata todo mundo.

Eu odeio filme de terror que usa crianças, claro que não tô falando de “Chucky – o boneco assassino”.

E sim de um filme espanhol que assisti  no Cinesesc na 31º Mostra à meia noite e fazia a platéia dar pulos de susto.

Achei ridículo, mas se quer sentir medo, é uma boa sugestão:  “El Orfanato”.pavor1

Eu fiz toda essa introdução só para avisá-los que está tendo no Cinusp desde o dia 2 de fevereiro a Mostra: Filmes de Suspense.

Essa mostra vai até dia 27 de fevereiro e traz filmes consagrados do gênero como “Um corpo que cai”, de Hitchcock, “Os Suspeitos”, de Bryan Singer e “Onde os fracos não têm vez”, dos irmãos Coen.

Confira a programação completa no site do Cinusp.

Rua do Anfiteatro,nº 181
Colméia – Favo 04
Cidade Universitária
GRÁTIS – retirar ingressos com 1 hora de antecedência
100 lugares
(11)3091-3540

Paul Newmna não morreu

Paul Newman não morreu

Eu fiz um post dia 11 de dezembro de 2008 sobre um ciclo de filmes que estava acontecendo no Cinusp em homenagem ao Paul Newman, mas como já tinha acabado as aulas da maioria, creio que muita gente viajou e perdeu essa oportunidade.

Então, agora não tem desculpa.

Confira a programação que começa dia 10 e vai até o dia 15 de fevereiro no Centro Cultural São Paulo e venere este grande ícone do cinema.

 

dia 10/2 – terça
16h
Marcados pela sarjeta
(Somebody up there likes me, EUA, 1956, P&B, 113min)
direção: Robert Wise – elenco: Paul Newman, Píer Angeli, Everett Sloane, Sal Mineo
Jovem que frequenta ginásio de boxe e ocasionalmente age como sparring apelida-se de Rocky Graziano. Depois de derrubar o campeão durante um treinamento, começa a fazer seu próprio nome e busca título de campeão de boxe.

18h
Gata em teto de zinco quente
(Cat on a hot tin roof, EUA, 1958, cor, 108min)
direção: Richard Brooks – elenco: Elizabeth Taylor, Paul Newman, Burl Ives, Judith Anderson
Esposa de ex-atleta entra em depressão por não despertar interesse no marido, um alcoólatra dominado pelo pai e que se afunda mais com a morte de seu melhor amigo. Adaptação da peça teatral de Tennessee Williams.
20h
Exodus
(EUA,1960, cor, 208min)
direção: Otto Preminger – elenco: Paul Newman, Eve Marie Saint, Ralph Richardson, Peter Lawford
Líder da resistência israelense consegue levar vários judeus em um cargueiro com destino à Palestina. Baseado no romance de Leon Uris.

 

dia 11/2 – quarta
16h
Roy Bean – O homem da lei
(The life and times of judge Roy Bean, EUA, 1972, cor, 120min)
direção: John Huston – elenco: Paul Newman, Anthony Perkins, Jacqueline Bisset, Ava Gardner
Na cidade de Vinegaroon nos tempos do faroeste, juiz se guia pelas leis que criou e impõe na cidade.

18h
O indomado
(Hud, EUA, 1963, P&B, 111min)
direção: Martin Ritt – elenco: Paul Newman, Melvyn Douglas, Patrícia Neal, Brandon de Wilde
Filho rebelde de respeitável fazendeiro vive em conflito permanente com seu pai e parece levar uma vida onde as confusões estão sempre presentes.

20h
Cortina rasgada
(Torn Curtain, EUA, 1966, cor, 125min)
direção: Alfred Hitchcock – elenco: Paul Newman, Julie Andrews, Lila Kedrova, Tamara Toumanova
Jovem casal se envolve em clássica história de espionagem ambientada em diferentes cidades da Europa, na época da Guerra Fria.

dia 12/2 – quinta
16h
Rebeldia indomável
(Cool hand Luke, EUA,1967, cor, 126min)
direção: Stuart Rosemberg – elenco: Paul Newman, George Kennedy, J. D. Caruso, Jo Van Fleet
Homem rebelde é condenado a passar dois anos numa prisão de trabalhos forçados. Incapaz de se moldar às normas, ele enfrenta problemas com guardas e companheiros de prisão.

18h15
Hombre
(EUA, 1967, cor, 111min)
direção: Martin Ritt – elenco: Paul Newman, Fredric March, Richard Boone, Diane Cilento
Homem branco criado em tribo Apache sofre com o preconceito, mas pode ser a única salvação de grupo de pessoas atacadas por foras-da-lei.

20h15
Uma lição para não esquecer
(Sometimes a great notion, EUA, 1971, cor, 114min)
direção: Paul Newman – elenco: Paul Newman, Henry Fonda, Lee Remick, Michael Sarrazin
Hank Stamper e seu pai possuem e administram uma madeireira em Oregon. Quando o meio irmão de Hank retorna, a tensão entre pai e filhos começa a surgir. No meio deste cenário tenso os Stamper lutam para defender o seu negócio contra madeireiros que estão em greve e exigem que eles parem também.

dia 13/2 – sexta
16h
Vale tudo
(Slap shot, EUA, 1977, cor, 89min)
direção: George Roy Hill – elenco: Paul Newman, Strother Martin, Michael Ontkean, Jennifer Warren
Treinador de equipe de hóquei conta com três novos jogadores, cuja tarefa principal é aniquilar os adversários.

18h
Roda fortuna
(The hudsucker proxy, EUA, 1994, cor, 111min)
direção: Joel Cohen – elenco: Tim Robbins, Jennifer Jason Leigh, Paul Newman, Charles Dunning
Industrial comete suicídio e um dos diretores planeja colocar em seu lugar um testa-de-ferro, que ele possa manipular para fazer negócios sujos.

20h
A cor do dinheiro
(The color of money, EUA, cor, 1986, 120min)
direção: Martin Scorsese – elenco: Paul Newman, Tom Cruise, Mary Elizabeth Mastrantonio, John Turturro
Filme que dá continuidade a Desafio a Corrupção (Robert Rossen, 1961). Veterano jogador de bilhar que havia se afastado das competições se impressiona com jogo de jovem promissor e passa a aperfeiçoar o jogo dele e lhe ensinar truques.

 

dia 14/2 – sábado
16h
Desafio à corrupção
(Hustler, EUA, 1961, P&B, 134min)
direção: Robert Rossen – elenco: Paul Newman, Jackie Gleason, Piper Laurie, George C. Scott
Talentoso jogador de sinuca acaba perdendo tudo por ambição, desafiando nome lendário da modalidade. Ele vai à falência, perde a confiança de seu técnico, mas consegue ajuda de um novo treinador.

18h30
Buffalo Bill
(Buffalo Bill and the indians or Sitting Bull’s history lesson, EUA, 1976, cor, 122min)
direção: Robert Altman – elenco: Paul Newman, Joel Grey, Kevin McCarthy, Harvey Keitel
Famoso caçador de búfalos do oeste americano resolve montar um espetáculo reunindo índios verdadeiros e caubóis, mostrando como foi a colonização do velho oeste.

20h45
Butch Cassidy
(Butch Cassidy and The Sundance Kid, EUA,1969, cor, 110min)
direção: George Roy Hill – elenco: Paul Newman, Robert Redford, Katherine Ross, Strother Martin
Faroeste que mistura aventura, comédia e romance e envolve dupla formada por um golpista e um pistoleiro.

 

dia 15/2 – domingo
16h
Estrada para Perdição
(Road to Perdition, EUA, 2002, cor, 117min)
direção: Sam Mendes – elenco: Tom Hawks, Paul Newman, Jude Law, Jennifer Jason Leigh
Durante a depressão, o filho de um gângster testemunha seu pai executando uma pessoa. A partir daí, eles precisam fugir, buscar vingança e tentar se esconder de uma organização criminosa.

18h
Golpe de mestre
(The sting, EUA, 1973, cor, 129min)
direção: George Roy Hill – elenco: Paul Newman, Robert Redford, Robert Shaw, Charles Dunning
Chicago, década de 1930. Dois vigaristas dão golpe em um gângster e embolsam uma grande quantia em dinheiro, mas um deles é assassinado pelo bandido. O outro busca ajuda de um ex-companheiro para que juntos possam aplicar mais um golpe no criminoso para vingar a morte do colega.
20h15
O indomável, assim é minha vida
(Nobody´s Fool, EUA, 1994, cor, 110min)
direção: Robert Benton – elenco: Paul Newman, Jéssica Tandy, Bruce Wills, Melanie Griffith
Trabalhador da construção civil vive sem dinheiro, brigando com dono da construtora onde trabalha. Sua vida começa a mudar com a inesperada chegada de seu filho e de seu neto e com a ajuda de mulher octagenária.

 

Rua Vergueiro, nº 1000 – pertinho do metrô Vergueiro
Sala Lima Barreto (110 lugares)
(11)3383-3402/3397-4000
ENTRADA FRANCA – retirar ingresso com 1h de antecedência

bandeira da maior cidade do pais

bandeira da maior cidade do país

 

A cidade de São Paulo completa no próximo domingo, dia 25 de janeiro, 455 anos.

 

E será homenageada de diversas formas.

 

O Centro Cultural São Paulo traz uma programação bem especial que vale a pena copiar e colar do site para facilitar a visualização dos leitores do Tudo Por Nada.

 Paulistas por adoção
de 20 a 25/1

No contexto das comemorações do aniversário da Cidade de São Paulo, o ciclo apresenta filmes de diretores que, muito embora tenham nascido em outros Estados brasileiros, atuam e exercem o seu ofício em terras paulistas: foram cooptados por elas ou elas por eles.

dia 20/1 – terça

16h
Urbânia
(2001, cor, 70min – suporte DVD)
direção: Flávio Frederico (Rio de Janeiro) – elenco: Turíbio Ruiz, Adriano Stuart, Wilson Hintze, Jorge Oliveira Santos
Ficção e documentário no mesmo filme. Durante 24h, dois outsiders redescobrem a cidade de São Paulo a bordo de um carro conversível. A megalópolis se revela a partir de encontros casuais com seus habitantes.
18h
Criaturas que nasciam em segredo
(1995, cor, 21min – suporte DVD)
direção: Chico Teixeira (Rio de Janeiro)
Partindo do universo dos bufões, pessoas marcadas desde a Antigüidade pelo estigma de garantir a diversão dos outros, o documentário retrata a vida de cinco anões que moram na cidade de São Paulo.
A casa de Alice
(2007, cor, 90min – suporte 35mm)
direção: Chico Teixeira (Rio de Janeiro) – elenco: Carla Ribas, Berta Zemel, Zécarlos Machado, Vinicius Zinn
Alice mora na periferia de São Paulo, trabalha como manicure e divide a casa com sua mãe, o marido e três filhos. Depois de vinte anos de casamento, ela reencontra um ex-namorado e isso mudará o rumo de sua vida.
20h
O homem que virou suco
(1979, cor, 97min – suporte DVD)
direção: João Batista de Andrade (Ituiutaba/MG) – elenco: José Dumont, Célia Maracajá, Ruth Escobar, Denoy de Oliveira
Um poeta popular paraibano recém-chegado a São Paulo, onde tenta sobreviver com a venda de suas poesias, é confundido com um operário que mata o patrão e acaba sendo perseguido pela polícia.

dia 21/1 – quarta


16h
Bodas de papel
(2006, cor, 102min – suporte 35mm)
direção: André Sturm (Porto Alegre/RS) – elenco: Helena Ranaldi, Darío Grandinetti, Walmor Chagas, Cleide Yaconis, Antonio Petrin
Uma história de amor entre um homem e uma mulher que se encontram numa cidade que escapou de ser transformada numa usina hidrelétrica e de desaparecer sob as águas.
18h
Jardim Ângela
(2007, cor, 71min – suporte 35mm)
direção: Evaldo Mocarzel (Niterói/RJ)
A visão de mundo de rapazes e moças da periferia de São Paulo. A estrutura do filme é construída a partir da oficina de vídeo que foi ministrada pela Associação Cultural Kinoforum no Jardim Ângela.
20h
Sargento Getúlio
(1983, cor, 85min – suporte DVD)
direção: Hermano Penna (Crato/CE) – elenco: Lima Duarte, Fernando Bezerra, Orlando Vieira, Flávio Porto
Sargento Getúlio é incumbido de transportar um prisioneiro político. No meio do caminho acontece uma reviravolta política e ele recebe ordens para libertar o preso, mas decide continuar até o fim. Baseado na obra de João Ubaldo Ribeiro

dia 22/1 – quinta


16h
33
(2003, cor, 74min – suporte 35mm)
direção: Kiko Goifman (Belo Horizonte/MG)
Kiko Goifman é filho adotivo e decidiu procurar sua mãe biológica. A partir de pistas dadas por detetives, ele parte nessa jornada, documentando o seu trajeto. O título surge a partir de três fatos: Kiko decidiu encontrar a mãe aos 33 anos de idade, sua mãe adotiva nasceu em 1933 e a busca durou 33 dias.

18h
Cronicamente inviável
(1999, cor, 101min – suporte DVD)
direção: Sérgio Bianchi (Ponta Grossa/PR) – elenco: Cecil Thiré, Betty Gofman, Daniel Dantas, Dan Stulbach
O filme narra trechos das histórias de vida de seis personagens e mostra a dificuldade de sobrevivência mental e física em meio ao caos da sociedade brasileira, que atinge todos.
20h
Abry
(2003, cor, 30min – suporte DVD)
direção: Joel Pizzini (Rio de Janeiro) e Paloma Rocha (Rio de Janeiro)
O documentário descreve a trajetória de Lúcia Rocha, mãe do cineasta Glauber Rocha. Aos 84 anos, ela se interna num hospital em São Paulo para fazer exames de coração. Ao receber a notícia sobre o risco que corria, ela diz ao médico: “Então abre!”
500 almas
(2004, cor, 105min – suporte 35mm)
direção: Joel Pizzini (Rio de Janeiro) – elenco: Paulo José, Matheus Nachtergaele, Adair Palácio
Um retrato do universo da tribo Guató, etnia dispersa na região pantaneira. Conhecidos como canoeiros, esses índios vivem em relação constante com a água e em contínuo deslocamento.

dia 23/1 – sexta


16h
A casa de Alice
(2007, cor, 90min – suporte 35mm)
direção: Chico Teixeira (Rio de Janeiro) – elenco: Carla Ribas, Berta Zemel, Zécarlos Machado, Vinicius Zinn
Alice mora na periferia de São Paulo, trabalha como manicure e divide a casa com sua mãe, o marido e três filhos. Depois de vinte anos de casamento, ela reencontra um ex-namorado e isso mudará o rumo de sua vida.
18h
33
(2003, cor, 74min – suporte 35mm)
direção: Kiko Goifman (Belo Horizonte/MG)
Kiko Goifman é filho adotivo e decidiu procurar sua mãe biológica. A partir de pistas dadas por detetives, ele parte nessa jornada, documentando o seu trajeto. O título surge a partir de três fatos: Kiko decidiu encontrar a mãe aos 33 anos de idade, sua mãe adotiva nasceu em 1933 e a busca durou 33 dias.
20h
Bens confiscados
(2005, cor, 109min – suporte 35mm)
direção: Carlos Reichenbach (Porto Alegre/RS) – elenco: Betty Faria, Werner Schünemann, Renan Augusto, Fernanda Carvalho Leite
Um poderoso senador da República, é denunciado publicamente por sua esposa por corrupção, tráfico de influências e bigamia. Quando sua amante suicida, ele manda seqüestrar seu secreto filho e o esconde da imprensa e dos inimigos políticos.

dia 24/1 – sábado


16h
O homem que virou suco
(1979, cor, 97min – suporte DVD)
direção: João Batista de Andrade (Ituiutaba/MG) – elenco: José Dumont, Célia Maracajá, Ruth Escobar, Denoy de Oliveira
Um poeta popular paraibano recém-chegado a São Paulo, onde tenta sobreviver com a venda de suas poesias, é confundido com um operário que mata o patrão e acaba sendo perseguido pela polícia.

18h
O pai
(Brasil, 2004, 10min – suporte 35mm)
direção: Manoel Rangel (Brasília/DF) – elenco: Cristina Cavalcanti, Lui Strassburguer, Isabela Guasco
Homem em crise encontra uma menina com quem estabelece uma relação que mistura realidade e imaginação.
Bodas de papel
(2006, cor, 102min – suporte 35mm)
direção: André Sturm (Porto Alegre/RS) – elenco: Helena Ranaldi, Darío Grandinetti, Walmor Chagas, Cleide Yaconis, Antonio Petrin
Uma história de amor entre um homem e uma mulher que se encontram numa cidade que escapou de ser transformada numa usina hidrelétrica e de desaparecer sob as águas

20h
Cronicamente inviável
(1999, cor, 101min – suporte DVD)
direção: Sérgio Bianchi (Ponta Grossa/PR) – elenco: Cecil Thiré, Betty Gofman, Daniel Dantas, Dan Stulbach
O filme narra trechos das histórias de vida de seis personagens e mostra a dificuldade de sobrevivência mental e física em meio ao caos da sociedade brasileira, que atinge todos.

dia 25/1 – domingo
16h
Jardim Ângela
(2007, cor, 71min – suporte 35mm)
direção: Evaldo Mocarzel (Niterói/RJ)
A visão de mundo de rapazes e moças da periferia de São Paulo. A estrutura do filme é construída a partir da oficina de vídeo que foi ministrada pela Associação Cultural Kinoforum no Jardim Ângela.
18h
Criaturas que nasciam em segredo
(1995, cor, 21min – suporte DVD)
direção: Chico Teixeira (Rio de Janeiro)
Partindo do universo dos bufões, pessoas marcadas desde a Antigüidade pelo estigma de garantir a diversão dos outros, o documentário retrata a vida de cinco anões que moram na cidade de São Paulo.
A casa de Alice
(2007, cor, 90min – suporte 35mm)
direção: Chico Teixeira (Rio de Janeiro) – elenco: Carla Ribas, Berta Zemel, Zécarlos Machado, Vinicius Zinn
Alice mora na periferia de São Paulo, trabalha como manicure e divide a casa com sua mãe, o marido e três filhos. Depois de vinte anos de casamento, ela reencontra um ex-namorado e isso mudará o rumo de sua vida.

20h
Urbânia
(2001, cor, 70min – suporte DVD)
direção: Flávio Frederico (Rio de Janeiro) – elenco: Turíbio Ruiz, Adriano Stuart, Wilson Hintze, Jorge Oliveira Santos
Ficção e documentário no mesmo filme. Durante 24h, dois outsiders redescobrem a cidade de São Paulo a bordo de um carro conversível. A megalópolis se revela a partir de encontros casuais com seus habitantes.
——————————————————————————–

Gibiteca Henfil

Coleção com mais de 10 mil títulos entre álbuns de quadrinhos, gibis, periódicos e livros sobre HQ. Sua programação diversificada, envolvendo oficinas, palestras, exposições, exibição de filmes e jogos, atrai fãs e profissionais da área.

dia 25/1 – domingo

das 11h às 15h
Ficção científica
(Star Trek, ficção científica, ufologia, arquivo X, etc.)
coordenação: Grupo Solar 7.
Exibição de filmes sobre ficção científica seguida de palestras. (14 anos)

 

Rua Vergueiro, nº 1000 – pertinho do metrô Vergueiro
Sala Lima Barreto (110 lugares)
(11)3383-3402/3397-4000
ENTRADA FRANCA – retirar ingresso com 1h de antecedência

Se recordamos das coisas que mais marcaram nossas vidas, certamente lembraremos de pequenos gestos de pessoas que nos ajudaram, palavras que nos fizeram acreditar que tudo iria melhorar, abraços que nos transmitiram amor, enfim atitudes que não tem preço.

E se você quer dar um rumo diferente a sua vida e torná-la especial, assista nesta quarta-feira, dia 21 de janeiro às 20hs no Centro Cultural da Juventude, o filme “O Fabuloso Destino de Amelie Poulain”

 a sonhadora Amelie Poulain

a sonhadora Amelie Poulain

 

Endereço: Av. Deputado Emílio Carlos, 3.641 (ao lado do terminal Cachoeirinha)
Vila Nova Cachoeirinha
(11)3984-2466
GRÁTIS

Descubra neste sábado, dia 24 de janeiro às 15h30 na Biblioteca Pública Roberto Santos.

Após o filme “Matrix” haverá a exibição de curtas metragens e um Debate: Cinema de Arte x Cinema de Entretenimento.

"Chegou a hora de fazer escolhas"

"Chegou a hora de fazer escolhas"

Biblioteca Roberto Santos
Endereço: Rua Cisplatina, 505 – Ipiranga
(11) 2273-2390
(11) 2063-0901

Próxima Página »